25 de fev de 2014

Assassinato no Expresso do Oriente - Agatha Christie

Pouco depois da meia-noite, uma tempestade de neve pára o Expresso do Oriente nos trilhos. 

O luxuoso trem está surpreendentemente cheio para essa época do ano. Mas, na manhã seguinte, há um passageiro a menos. 

Uma americano é encontrado morto em sua cabina, com doze facadas, e a porta estava trancada por dentro. 

Pistas falsas são colocadas no caminho de Hercule Poirot para tentar mantê-lo fora de cena, mas, num dramático desenlace, ele apresenta não uma, mas duas soluções para o crime.

0 comentários:

Postar um comentário